Postado 22/03/2017 por Daniel Farkuh

Saiba como lavar corretamente sua moto antiga

Lavar uma motocicleta pode até ser uma tarefa aparentemente fácil, mas existem cuidados essenciais para a hora dessa limpeza, em especial quando se vai lavar moto antiga.

Por exemplo, você deve estar atento a pequenas peças soltas ou danificadas, entre outros detalhes que são importantes para manter sua máquina em perfeito funcionamento. Também é preciso tomar cautela redobrada com a pintura, pois nem todos os produtos são feitos para a limpeza dessas belezinhas.

Para ajudar você, hoje vamos falar como fazer a limpeza e lubrificação da sua moto antiga. Aproveite o texto e tire suas dúvidas!

Sombra e água fresca

Muitos especialistas recomendam começar a limpeza em um local à sombra, pois resíduos de sabão ou outros produtos podem manchar a pintura. E, com certeza, não seria nada legal ter aquelas eternas manchinhas aparecendo ao sol.

Verificação de todos os cantos

Faça um check-up rápido antes de começar a limpeza. Nessa hora, será possível encontrar a necessidade de ajustes inesperados, como mangueiras soltas e parafusos. E nada melhor do que o olho do dono para passar aquele pente-fino.

Motor frio

Para iniciar a limpeza, deixe o motor esfriar para evitar o tão temido choque térmico. Quando não isso não é feito, a sua moto poderá descascar, o que contribui para o aparecimento de ferrugem, principalmente se depois da limpeza a moto voltar para a capa.

Tudo bem seco

E se for colocar a capa em sua moto, não se esqueça de verificar se todas as entradas de ar estão bem secas, para não danificar o funcionamento. Isso também vale para o escapamento.

Para aqueles mais exigentes, é possível retirar as peças móveis, como o banco, carenagens laterais e o tanque. Lembre-se também do chicote elétrico, das conexões, assim como de outras partes, que devem estar sempre bem secas.

Somente água no começo

Dispense o uso de lava-jato. Além de danificar a pintura, a pressão pode fazer com que a água entre onde não deve, danificando rolamentos e outras partes vitais. Sendo assim, faça uso da velha mangueira de jardim ou de um balde.

Comece a limpeza com água e sabão muito bem diluídos. Sabão neutro ou de coco serve pra essa primeira etapa, de preferência de cima para baixo, não esquecendo aqueles cantinhos para que a sujeira grossa possa sair com mais facilidade.

Cuidados com a esponja para lavar moto antiga

Esponja e pintura geralmente não combinam. Por esse motivo, certifique-se de tanto sua motocicleta quanto a esponja a ser usada estejam livres de qualquer grãozinho de areia.

Na hora de lavar moto antiga, não é preciso deixar de molho. Depois de ensaboada, não demore muito a passar a mangueira, para o sabão não secar.

Transmissão, cubos e rodas

Nessas partes é recomendado lavar normalmente com água e sabão, enxaguando muito bem. Depois, se possível, coloque a moto em um cavalete, suspendendo a roda traseira.

Aplique querosene na corrente, na coroa e no pinhão sempre girando a roda. Faça isso até o querosene escorrer limpo. Evite usar gasolina, pois ela resseca os anéis das correntes.

Limpeza final

Nessa última etapa, devemos redobrar os cuidados. Com panos macios, que não larguem aqueles malditos fiapos, seque tudo sem aplicar pressão e sem pressa, para não danificar a pintura.

Limpe e deixe as peças soltas bem enxutas. Não é recomendado enxaguar o pano para voltar a secar a moto. Use sempre pedaços novos de tecido, pois as sujeiras que deixamos escapar podem arranhar e estragar todo o trabalho.

Para dar aquele brilho especial, use produtos de sua preferência, buscando sempre a qualidade. Os fabricantes também recomendam que, com a transmissão ainda no cavalete, seja feito uso do óleo 90, que adere melhor.

Todos sabemos que não existem fórmulas ou regras rígidas. Mas ao usar nossas dicas, certamente você terá uma moto linda, que vai chamar a atenção por onde passar. No mais, use sempre o bom senso para ter uma motocicleta sempre em pleno funcionamento, aumentando inclusive sua vida útil!

Agora você já aprendeu o que precisa fazer para lavar moto antiga corretamente. Quer saber mais conteúdos para seu dia a dia como motociclista? Então, siga-nos pelas redes sociais: acesse nosso Facebook e fique por dentro das novidades no mundo das motocicletas!